Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O mundo felino do Riscas e do Rafael

Durante quase 5 anos, o Riscas foi o único felino da casa. Em agosto de 2017, trouxemos para casa o Rafael de 4 meses. Não foi amizade à primeira vista. É da convivência destes dois felinos que trato neste blogue.

O mundo felino do Riscas e do Rafael

18.Ago.17

O foco são os cheiros

As minhas expectativas da adaptação entre o Riscas e o Rafael, eram boas. Eu estava demasiado otimista, acreditava que como o Riscas é castrado, não ia haver aquela luta pelo território. Mas tal não aconteceu. Eu devia ter pesquisado opções para o caso de eles não se adaptarem, antes da chegada do Rafael.

 

Mas tal não aconteceu, e tive de pesquisar depois de o Rafael já cá estar. Dois  dos três   conselhos  resolvi seguir.

aromabaunilha.jpg

O conselho era que arranjasse uma mantinha, a colocasse junto do Rafael e depois a dar ao Riscas, para que este se habituasse ao cheiro do Rafael. Além disso, arranjar um produto simples e barato de nome aroma  ou essência de baunilha e colocar umas gotas do pescoço de cada um, de forma a ficarem ambos com o mesmo cheiro.

 

Além disso, também aconselharam um difusor clamante, mas esse já era dispendioso para mim...

difusorgato.jpg

O certo é que mesmo com os cheiro igual, o Riscas continua a soprar e a assanhar-se ao Rafael.

 

Segundo entendi, pelas minhas pesquisas, o problema da adaptação está nos cheiros, por isso o Riscas cheira tanto o Rafael.

 

2 comentários

Comentar post